caretos_de_podence

Caretos de Podence querem ser Património da Humanidade

Rádio Renascença

 

Candidatura avança dentro de um mês, depois de o Governo ter inscrito a “Festa de Carnaval dos Caretos de Podence” no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial.

Os ancestrais Caretos de Podence, emblemáticos mascarados do Carnaval Transmontano, receberam esta quarta-feira a notícia que faltava para a candidatura a Património da Humanidade, que deverá ser formalizada dentro de um mês.

O Governo português inscreveu a “Festa de Carnaval dos Caretos de Podence” no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial, uma decisão publicada hoje no Diário da República e aguardada “há algum tempo” na região, por ser determinante para pedir o reconhecimento internacional.

“É um dia muito importante, uma notícia que já esperávamos há algum tempo”, disse à agência Lusa António Carneiro, presidente da Associação de Caretos de Podence e um dos responsáveis por revitalizar esta tradição genuína e ancestral que esteve praticamente extinta e que, nos últimos 20 anos, tem levado a região além-fronteiras.

O despacho da directora-Geral do Património Cultural, Paula Araújo da Silva, aponta que, para a decisão de inventariação deste ritual, pesou “a importância de que se reveste esta manifestação do património cultural imaterial enquanto reflexo da identidade da comunidade em que esta tradição se originou e se pratica”.

A tutela realça também a “profundidade histórica e evidente relação com práticas festivas homólogas, características do Nordeste Trasmontano” e “a importância técnica e científica de que se reveste o pedido de inventariação em apreço, que actualiza investigação em profundidade, desenvolvida ao longo de diversos anos com recurso aos métodos e técnicas na área da Antropologia”.

Ver original completo >>

-0

Deixe um comentário

− 7 = 1

Facebook
Twitter
Google+
Linked In
RSS
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!