franciscopapa

Papa Francisco: Tirar trabalho às pessoas é “pecado gravíssimo”

Rádio Renascença

 

Francisco condena “as manobras económicas” e os “interesses menos claros” daqueles que deixam os trabalhadores sem emprego.

O Papa Francisco classificou, esta quarta-feira, como “um pecado gravíssimo” tirar emprego às pessoas.”Quem, por manobras económicas, para fazer negócios que não são totalmente claros, fecha fábricas, empreendimentos laborais e tira trabalho aos homens, esta pessoa comete um pecado gravíssimo”, disse na audiência pública semanal, no Vaticano.

“O trabalho dá-nos dignidade e os responsáveis dos povos, os dirigentes, têm a obrigação de fazer todos os possíveis para que cada homem e cada mulher possam trabalhar e assim andar de cabeça erguida, olhar os outros nos olhos, com dignidade”, acrescentou.

A declaração improvisada do Papa surgiu quando deixava algumas palavras de solidariedade aos trabalhadores da Sky Itália, alvo de um processo de despedimento. A intervenção de Francisco foi pontuada com aplausos.

Ver original >>

-0

Deixe um comentário

+ 42 = 47

Facebook
Twitter
Google+
Linked In
RSS
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!