audreyhepburn-650-d

Audrey Hepburn

Isa Silva

 

Extremamente elegante – para muitos até magra demais – queria ser bailarina mas acabou por se tornar numa das mais famosas actrizes do cinema.

Filha de um banqueiro britânico e de uma baronesa holandesa, Audrey Kathleen Hepburn-Ruston nasceu a 4 de Maio de 1929 na Bélgica e cedo mostrou grande interesse pelo ballet. Com a chegada da II Guerra Mundial a mãe decidiu levá-la para a Holanda pensando, assim, que estariam protegidas situação que não se verificou. Com a invasão das tropas nazis, tornou-se claro que as suas vidas não seguiriam o plano traçado obrigando-a a passar por muitas dificuldades e por perda de familiares. Apesar de tudo, ajudou a resistência e nunca largou a dança. Após o termino da guerra, regressou a Inglaterra e entrou na mais prestigiada escola de ballet mas percebeu que nunca seria a bailaria que sonhara e desiludida trabalhou como corista e modelo fotográfico.

Foi por esta altura que decidiu experimentar a representação e depois de algumas tentativas e fracassos foi escolhida para o papel no cinema que mudaria o rumo da sua vida: o de uma princesa ao lado de Gregory Peck. ‘Roman Holiday’ foi um sucesso e deu-lhe o seu primeiro e único Oscar.

Entre o palco e o écran, Audrey foi consolidando a sua carreira e em 1954 no ano em que interpretou uma das personagens mais fascinantes da sua carreira, Sabrina, casou com o actor Mel Ferrer. Seguiram-se ‘War and Peace’, ‘Funny Face’ junto de Fred Astaire, ‘Breakfast at Tiffany’s’ – onde até cantou – e o clássico ‘My Fair Lady’ de 1964 – onde não cantou.

Continuou a aparecer em filmes mas a sua atenção seria desviada para o apoio humanitário como Embaixadora Especial para o Fundo UNICEF das Nações Unidas de ajuda às crianças. Os seus últimos anos de vida foram praticamente dedicados a essa causa com inúmeras viagens e visitas a campos de apoio.

Entraria pela última vez num filme em 1989 no papel de um anjo em ‘Always’ de Steven Spielberg.

Viveu em Roma e acabou por se fixar na Suíça onde acabou por falecer a 20 de Janeiro de 1993, na Suíça, vítima de cancro no apêndice.

Confesso que adoro muitos dos vestidos que Audrey usou nos seus filmes principalmente os criados por Hubert de Givenchy para ‘Sabrina’ e ‘Breakfast at Tiffany’s’, um verdadeiro hino à elegância feminina.

audreyhepburn-650

 

____________________

Square Faces é um projecto de pintura de Isa Silva e todas as semanas vai falar-nos de personalidades históricas e não só.
www.instagram.com/square.faces

-0

Deixe um comentário

Facebook
Twitter
Google+
Linked In
RSS